Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

AuToCaRaVaNiStA

Portal AuToCaRaVaNiStA http://www.autocaravanista.pt Coordenador jbmendes

AuToCaRaVaNiStA

Portal AuToCaRaVaNiStA http://www.autocaravanista.pt Coordenador jbmendes

VALE DE ESPINHO - SABUGAL - GUARDA


Apontamento AuToCaRaVaNiStA:

Depois de Aldeia do Bispo, da manutenção das autocaravanas em Fóios (área em mau estado funcional), fomos pernoitar em Vale de Espinho, que diga-se tem uma praça central bastante espaçosa, e foi uma boa aposta a opção da pernoita aqui. Mal tinhamos aparcado as ACs e já nos estavam a convidar para visitar a nova associação da freguesia de Vale de Espinho para uma petiscada. Não nos fizemos rogados, e como estava já próxima a hora do jantar juntamos umas mesas e logo um amigo da terra se ofereceu para nos colocar vinho na mesa, oferta pessoal em nome da hospitalidade Vale Espinhense. 

Depois de uns petiscos servidos com a cortesia que só um Presidente de Junta com grande categoria o faria, com a pompa e circunstancia possiveis e disponível numa inesperada presença turistica, (nós). Foi uma petiscada ajantarada, desde a dobrada às filhoses, passando por queijo da serra da região, bifanas, pão, e azeitonas a finalizar esta ementa improvisada, e que nos soube tão bem. E como o mundo é pequeno, um conterrâneo da Feira estava lá a passar umas mini férias do Carnaval, já que a esposa era natural de lá. Fica aqui uma breve reportagem desta aldeia muito bem equipada ao nível social, com pessoas simpáticas, e um Presidente de Junta do melhor. Um bem haja para Vale de Espinho.

BREVE HISTÓRIA:

Vale de Espinho é uma freguesia portuguesa do concelho do Sabugal, com 32,15 km² de área e 380 habitantes (2001). Densidade: 13,4 hab/km².
As freguesias mais próximas são Fóios e Quadrazais, a aproximadamente 6 km. Situa-se numa zona de serrania, o que lhe tira bastante visibilidade principalmente a Sul.
Pensa-se que Vale de Espinho foi povoada desde a época castreja. Contudo, a documentação que existe faz-lhe referência apenas depois da fundação da Nacionalidade.
A sua Igreja foi construída entre os séculos XII e XIII. Inicialmente foi dedicada à Virgem e só mais tarde a Santa Maria Madalena, que é hoje a sua Padroeira.
Devido à sua situação geográfica, Vale de Espinho foi por diversas vezes vítima da passagem das tropas em épocas de guerra.
A gastronomia local baseia-se sobretudo em: javali, cabrito, enchidos, queijo da região, trutas do Côa, pão-de-ló e bolo de leite. Heráldica de Vale de Espinho.
Fonte: http://www.memoriaportuguesa.com/vale-de-espinho

Portal AuToCaRaVaNiStA
www.autocaravanista.pt.vu - www.grupoautocaravanista.webs.com
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

    Arquivo

    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2014
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2013
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2012
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2011
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2010
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2009
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2008
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2007
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2006
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D